Jogo de Runas Alfabeto Antiga Europa Viking 25 Pedras Natural Jaspe Vermelho - Loja Cristaisdecurvelo
  Carregando... Por favor, aguarde...

Jogo de Runas Alfabeto Antiga Europa Viking 25 Pedras Natural Jaspe Vermelho

()
Codigo: RUNAS 25 JASPE VERMELHO

De:R$30,00

R$26,00

ou R$25,48 no Boleto Ou em 5x de R$5,20
sem juros no cartão de crédito



Completo jogo de Runas Sagradas 25 Pedras com lapidação rolado e gravação em baixo relevo dourado ouro, ideal para colecionador ou uso esotérico, devido ser pedra natural de garimpo, temos varias pedras

RUNAS -  É ligada a várias divindades que fornecem meios para revelar realidades invisíveis, misteriosas e secretas. Este oráculo possibilita o aprofundamento do auto-conhecimento, aumentando o nível de consciência.

 

NOME DA(S) PEDRA(S): Jaspe Vermelho

COR DA(S) PEDRA(S):Vermelho

CORTE DA(S) PEDRA(S): Rolado e Escrito em dourado em baixo relevo

CLARIDADE DA(S)  PEDRA(S): Extra Bom Brilho

MEDIDA DA(S) PEDRA(S): 10 MM cada Pedra  (Aproximado).  

PESO TOTAL DA PEDRA: 50 Gramas Aproximado

Por ser pedra natural  podem apresentar variações em suas tonalidades e grafismos. Há também a possibilidade de ocorrerem pequenas inclusões que irão se assemelhar a fissuras, mas que são normais de minerais autentico de garimpo.  

 

atencao.gif

Para comprar Runas em outra pedra clik aqui

Comprar joias clik aqui 

Comprar Atacado clik aqui

Runas


As runas são um conjunto de alfabetos relacionados que usam letras características (também chamadas de runas), usadas para escrever nas línguas germânicas, principalmente na Escandinávia e nas ilhas Britânicas. Estes caracteres têm sido encontrados em pedras rúnicas, e em menor número em ossos e peças de madeira, assim como em pergaminhos e placas metálicas.
Em todas as suas variedades, as runas podem ser consideradas como uma antiga forma de escrita da Europa do Norte. A versão escandinava que também é conhecida como Futhark (derivado das suas primeiras seis letras: 'F', 'U' 'Th', 'A', 'R', e 'K'), e a versão Anglo-saxónica conhecida como Futhorc (o nome também tem origem nas primeiras letras deste alfabeto).
As inscrições rúnicas mais antigas datam de cerca do ano 150, e o alfabeto foi substituído pelo alfabeto latino com a cristianização, por volta do século VI na Europa central e no século XI na Escandinávia.
Contudo, o uso de runas persistiu para propósitos especializados, principalmente na Escadinávia, na área rural da Suécia até ao início do século XX (usado principalmente para decoração e em calendários Rúnicos).
Além do alfabeto, a cultura germânica antiga possuía um calendário, cujo ano se iniciava no dia 29 de Junho, representado pela runa Feob.
As runas são um conjunto de alfabetos relacionados que usam letras características (também chamadas de runas), usadas para escrever nas línguas germânicas, principalmente na Escandinávia e nas ilhas Britânicas. Estes caracteres têm sido encontrados em pedras rúnicas, e em menor número em ossos e peças de madeira, assim como em pergaminhos e placas metálicas.
Em todas as suas variedades, as runas podem ser consideradas como uma antiga forma de escrita da Europa do Norte. A versão escandinava que também é conhecida como Futhark (derivado das suas primeiras seis letras: 'F', 'U' 'Th', 'A', 'R', e 'K'), e a versão Anglo-saxónica conhecida como Futhorc (o nome também tem origem nas primeiras letras deste alfabeto).
As inscrições rúnicas mais antigas datam de cerca do ano 150, e o alfabeto foi substituído pelo alfabeto latino com a cristianização, por volta do século VI na Europa central e no século XI na Escandinávia.
Contudo, o uso de runas persistiu para propósitos especializados, principalmente na Escadinávia, na área rural da Suécia até ao início do século XX (usado principalmente para decoração e em calendários Rúnicos).
Além do alfabeto, a cultura germânica antiga possuía um calendário, cujo ano se iniciava no dia 29 de Junho, representado pela runa Feob.
Curiosidade

COMO USAR AS RUNAS EM MAGIA
    Você pode usar as runas para alterar aspectos de sua vida e de seu meio ambiente. Pode ajudar a si próprio, bem como auxiliar conhecidos seus atingirem suas metas de sucesso. 
    Para isto, com muita consciência, veja o aspecto de sua vida, ou da vida de seu conhecido, que você quer alterar ou incrementar. Escreva-o num papel, em poucas palavras e de forma bem direta (exemplo: melhor memória). 
    Depois, procure em: "Principais poderes mágicos de cada runa", qual a que melhor se adapta ao caso em questão. 
    No verso de uma foto da pessoa para quem irá ser efetuada a magia (serve cópia em xerox), trace a figura da runa escolhida para intervir magicamente. O desenho deve ser feito com grafite (lápis). 
    Visando atingir de maneira mais completa os seus objetivos, você pode associar mais de uma runa na mesma foto. Porém, cuidado com o coquetel que está preparando. Veja se não há conflito de poderes entre as runas. 
    Depois de efetuado o desenho, apanhe uma pedra qualquer (a que chamar a sua atenção primeiro é a certa) e num local tranquilo, coloque-a sobre a foto com o desenho estampado no verso. 
    Acenda uma vela (porém, apenas se isto não incomoda você, tem pessoas que por suas crenças não acendem velas dentro de casa - se acender velas é uma coisa que incomoda você, não o faça); procure entrar num estado alterado de consciência (respirando profundamente, relaxando, fazendo uma oração que aprendeu na infância ou contando de 50 a 1); estenda sua mão mais forte sobre a foto sob a pedra e faça a seguinte oração, consagrando a magia: 
    "Neste momento, em nome da Grande Consciência Cósmicka, em nome de Odim, espírito de sabedoria que rege o oráculo das runas, consagro conscientemente este objeto de poder, para que ele possa cumprir fielmente a função para a qual foi por mim criado. Que assim seja..." 
    A foto com o desenho deve acompanhar a pessoa para quem foi criada. A pedra deve ser enterrada num jardim bonito assim que a magia tiver dado certo, ocasião em que a foto deve ser queimada e as cinzas colocadas junto da pedra. Enquanto o processo mágicko estiver se desenvolvendo a pedra deve ficar guardada num local seguro.
    Para locais ou situações - substitui-se a foto por algo que identifique o objeto da magia.  Se for uma residência, colocar numa folha de papel o enedereço mais completo possível dela. Se uma família, o nome dela e dos componentes. Se uma situação - algo que a identifique. A seguir, continua-se com o procedimento mágicko padrão. 

Runas Vikings

 

O oráculo das Runas é originário do norte da Antiga Europa, também usado como uma forma de escrita pelos iniciados das tradições oculto-pagãs para transmitir informações mágicas, atrair sorte, amor, proteção, saúde e riqueza. Hoje em dia é uma das formas de aconselhamento espiritual mais utilizadas por místicos em todo o mundo. Durante muito tempo pouco se sabia sobre os usos mágicos e oraculares de cada um dos símbolos que compõem o oráculo, embora o jogo tenha sido praticado por centenas de anos, hoje em dia graças à descobertas arqueológicas, antropológicas e o interesse de estudiosos e místicos, muito se sabe sobre esse sistema mágico e oracular.

A palavra “runa” significa “mistério”, “segredo”, cada um dos 24 símbolos e a runa em branco expressa um ensinamento, um mistério do universo. Segundo os antigos ensinamentos nórdicos a sabedoria das runas foi deixada aos Vikings pelo deus Odin, para que os homens a ela recorressem em momentos de necessidade, angústia e de tomada de decisões, também para se divinizar e para obter um sábio aconselhamento.

Odin se submeteu a um supremo ato de auto sacrifício para obter o conhecimento secreto das runas. Permaneceu suspenso, por nove dias e nove noites, pendurado pela lança, de cabeça para baixo no Yggdrasil, a "árvore do mundo", até se dar conta das pedras rúnicas no chão.

Esticando-se com dificuldade conseguiu apanhá-las, sendo então libertado pela magia destas pedras e, por iluminação, aprendeu os conhecimentos e poderes mágicos das runas e dessa forma o transmitiu aos iniciados.

Comentários sobre o produto



Voltar ao topo
Loja CristaisdeCurvelo no What's app