Cornalina Pedra Bruto Natural Familia Calcedonia Mineral Pra Colecionador Cod 342.6 - Loja Cristaisdecurvelo

Não vá Embora!
Separamos essas Ofertas Exclusivas para você!

Fale Conosco:
(38) 3722-1029
(38)9-9205-6463

Cornalina Pedra Bruto Natural Familia Calcedonia Mineral Pra Colecionador Cod 342.6

(Cód.251236)
| Deixar comentário
R$27,00
Ou em 5x de R$5,40
sem juros no cartão de crédito
R$25,65 a vista
no depósito com 5% de desconto
Embalagem para presente: Opções disponíveis no carrinho.
Compra máxima: 1 unidade(s)
Esgotado! Já vendemos todo o estoque!
Avise-me Quando Chegar.

Por enquanto esse produto não está disponível.


Cornalina Pedra Bruto familia das Calcedonias, Por veses chamada de agata de fogo ideal para colecionador ou uso esoterico pedra com boa cor de vermelho, também possivel lapidação de cabochão


NOME DA(S) PEDRA(S): Cornalina ( Calcedonia)

COR DA(S) PEDRA(S): Vermelho ou laranja muito forte

CORTE DA(S) PEDRA(S): Bruto Natural com Polimento

CLARIDADE DA
(S)  PEDRA(S): Boa/Otimo

MEDIDA D
A(S) PEDRA(S): 8,5 x 7,0  (Centimetros Exato).

 PESO TOTAL DA JÓIA: Exatos 342 Gramas  Anuncio unico comprar Outra CLICK AQUI

Foto autentica da pedra que ira receber qualquer diferença pode ser efeito de luz no studio nada que comprometa a energia da pedra, hidratação oleo mineral

ORIGEM: URUGUAI 

 

Para comprar outra Cornalina Click Aqui

Comprar Pingentes click aqui 

Comprar Atacado click aqui

Cornalina

Cornalina vermelha é uma variedade vermelha ou avermelhada-marrom de calcedônia.

Calcedônia é uma das variedades criptocristalinas do mineral quartzo, tendo um brilho graxo. Pode ser semitransparente ou translúcida e é geralmente branca a cinzenta, cinzento-azulada ou em alguma tonalidade de marrom, às vezes quase preta.

Outras tonalidades recebem nomes específicos. A calcedónia vermelha é conhecida como cornalina ou sárdio; a variedade verde colorida por óxido de níquel é chamada crisoprásio. Prásio tem cor verde-alho. Plasma é uma calcedónia de cor clara a verde-esmeralda que é encontrada às vezes com pequenos pontos de jaspe assemelhando-se a gotas de sangue; foi chamada de pedra-de-sangue ou heliotrópio.

A calcedónia é um dos poucos minerais que é encontrado em geodos.

O termo calcedónia é derivado do nome em grego da antiga cidade de Calcedónio (Chalkedon), na Ásia Menor, no que é hoje a parte oriental da cidade turca de Istambul.

Ágata é uma subvariedade de calcedônia, ou seja, é um tipo de quartzo. Caracteriza-se pela variedade de cores, geralmente dispostas em faixas paralelas.

De acordo com Teofrasto a ágata (achates) foi nomeada do rio Achates, agora o Drillo, na Sicília, onde o mineral foi primeiramente encontrado.

A maioria das ágatas ocorre como nódulos em rochas eruptivas, ou antigas lavas, onde preenchem as cavidades produzidas originalmente pela desagregação do vapor na massa derretida, e então preenchido, completamente ou parcialmente, pela matéria silicosa depositada em camadas regulares em cima das paredes. Tais ágatas, quando cortadas transversalmente, exibem uma sucessão de linhas paralelas, frequentemente de extrema tenuidade, dando uma aparência unida à seção, e por isso tais minerais são conhecidas como ágata unida e ágata listrada.

Na formação de uma ágata ordinária, é provável que as águas que contêm sílica dissolvida – derivada, talvez, da decomposição de alguns dos silicatos presentes na própria lava – infiltraram-se através da rocha, depositando um revestimento silicioso no interior das vesículas produzidas por vapor. As variações no caráter da solução, ou nas condições de deposição, podem causar variações correspondentes nas camadas sucessivas, de modo que as faixas de calcedónia frequentemente alternam com camadas de quartzo cristalino. Várias vesículas de vapor podem unir-se enquanto a rocha for viscosa, e assim dar forma a uma cavidade grande que possa se transformar em receptáculo de uma ágata de tamanho excepcional; assim um geode brasileiro, revestido de ametista, pesando 35 toneladas, foi exibido na Exposição de Dusseldorf de 1902.

O primeiro depósito na parede de uma cavidade, dando forma à "pele" da ágata, é geralmente uma substância mineral esverdeada escura, como celadonite, delessite ou "terra verde," os quais são ricos em ferro, derivado provavelmente da decomposição de augite na rocha-mãe. Este silicato verde pode dar origem, por alteração, a um óxido marrom do ferro (limonite), produzindo uma aparência oxidada na parte externa do nódulo de ágata. A superfície exterior de uma ágata, liberta da sua matriz, é frequentemente áspera, aparentemente na conseqüência da remoção do revestimento original. A primeira camada depositada sobre a parede da cavidade é por alguns chamada de "iniciador," e em cima desta base os minerais zeolíticos podem ser depositados.

Muitas ágatas são ocas, uma vez que a deposição não prosseguiu pelo tempo suficiente para encher a cavidade, e nesses casos o último depósito consiste geralmente de quartzo, frequentemente ametista, tendo os ápices dos cristais dirigidos para o espaço livre, formando uma cavidade, uma drusa ou um geodo revestido por cristais.

Esoterismo

Cornalina
Tipo:Estimula o leite materno, Sono tranqüilo, Autoconfiança e capacidade de se impor.
Grupo: Quartzo.
Dureza: 7.
Indicado para: Febre, feridas purulentas, varizes, dores pós-cirúrgicas das amígdalas, voz, garganta, distúrbios da fala, gagueiras, irritações das cordas vocais, rouquidão, bronquites, sono profundo, rejuvenescimento da pele, estimula o leite materno. Pesadelos, distúrbios do sono, inibições, nervosismo, autoconfiança, capacidade de se impor, melancolia.
Formas existentes: Pedra bruta, lapidada, pêndulo, pingente, cordão.